quinta-feira, 17 de abril de 2014

Deficiência em magnésio causa várias Doenças





Deficiência em magnésio causa várias Doenças


Do livro The Magnesium Miracle de Dra. Carolyn Dean MD ND

A seguintes 22 “doenças” desencadeadas ou causadas pela deficiência em magnésio foram todas cientificamente comprovadas. No entanto, desde a publicação do The Magnesium Miracle, as pessoas têm me enviado histórias de sucesso acerca das suas experiências com o magnésio, que vão além da lista a seguir. Eu tenho lido que o magnésio tornou a pele mais macia, gengivas que se curaram, e melhorias na resposta sexual. Na próxima edição do meu livro apresentarei pesquisas actualizadas da habilidade do magnésio em baixar o colesterol na mesma medida das drogas Statina, mas sem os seus efeitos colaterais. Existem ainda evidências de que o magnésio é importante para o tratamento da neuropatia diabética. Como eu disse no livro, se você tiver que tomar um suplemento – tenha a certeza de que seja o magnésio!

Deficiência em magnésio causa várias Doenças


A deficiência em magnésio desencadeia ou causa as seguintes condições :




Ansiedade e ataques de pânico – o Magnésio (Mg) normalmente mantém as hormonas Adrenais do stress  sob controle .



Asma -  Tanto a produção de histamina como de espasmos bronquiais aumentam com a deficiência de Mg.



Coágulos sanguíneos – O Mg tem um papel importante  na prevenção de coágulos sanguíneos e em manter o sangue fino, parecido á aspirina, mas sem os efeitos colaterais.



Doença Intestinal – a deficiência em Mg torna o intestino mais vagaroso, causando prisão de ventre, o que pode levar à toxicidade e má absorção de nutrientes, assim como á colite .



Cistite – os espasmos da bexiga são agravados pela deficiência em Mg.



Depressão – a serotonina , que eleva o humor , é dependente de Mg. Um cérebro deficiente em MG também é mais susceptível a alérgenos, substâncias estranhas que podem causar sintomas semelhantes à doença mental.



Desintoxicação – o Mg é crucial para a eliminação de substâncias tóxicas e metais pesados, tais como alumínio e chumbo.



Diabetes – o Mg aumenta a secreção de insulina, facilitando o metabolismo do açúcar. Sem Mg a insulina não é capaz de transferir a glicose para dentro das células. A glicose e a insulina acumulam-se no sangue causando vários tipos de danos nos tecidos.



Fadiga – Pacientes com deficiência em Mg comummente apresentam fadiga, porque dezenas de sistemas enzimáticos não conseguem funcionar eficientemente. Um sintoma precoce da deficiência de Mg é frequentemente a fadiga.



Doença cardíaca – A Deficiência em Mg é comum em pessoas com doenças cardíacas. O Mg é administrado em hospitais para enfarte agudo do miocárdio e arritmia cardíaca. Como qualquer outro músculo, o músculo cardíaco requer Mg. O Mg também é usado para tratar a angina, ou dor no peito.



Hipertensão – Com insuficiente em Mg, ocorre espasmo dos vasos sanguíneos e colesterol alto, os quais levam a problemas de pressão arterial.



Hipoglicemia – O Mg mantém a insulina sob controle, sem mg  podem resultar episódios de baixo açúcar no sangue.



Insónia – Sono – a regulação da produção de melatonina é perturbada pela insuficiência de Mg.



Doença renal – A deficiência em Mg contribui para a insuficiência renal aterosclerótica. A deficiência em Mg cria níveis anormais de lípidos e piora o controle de açúcar no sangue em pacientes com transplante renal.



Doença hepática levando á falha hepática – A deficiência em Mg geralmente ocorre durante o transplante hepático.



Enxaqueca – O Equilíbrio da serotonina é Mg – dependente. A deficiência em serotonina pode resultar em dores de cabeça, enxaqueca e depressão.



Condições músculo-esqueléticas – fibrosite, fibromialgia, espasmos musculares, espasmos oculares, cólicas, cãibras, e dor cronica no pescoço e nas costas podem ser causadas pela deficiência de Mg e podem ser aliviados com suplementos de Mg.



Nervos (problemas) – O Mg alivia distúrbios de nervos periféricos por todo o corpo, tais como enxaqueca, contracções musculares, espasmos gastrointestinais e cãibras na pantorrilha, pé e dedo do pé. É também utilizado no tratamento de sintomas dos nervos centrais tais como vertigem e confusão.



Obstetrícia e Ginecologia – O Mg previne a Síndrome Pré-Menstrual; previne a dismenorréia (cólicas e dor durante a menstruação); é importante no tratamento da infertilidade; e alivia contrações prematuras, pré-eclampsia e eclampsia na gravidez. Magnésio Intravenoso é dado em unidades obstetrícias para a hipertensão induzida pela gravidez e diminuir o risco de paralisia cerebral e Síndrome da Morte Súbita Infantil (SMSI). O Mg deveria ser um complemento requerido para as mães grávidas.



Osteoporose – O uso de cálcio com vitamina D para aumentar a absorção de cálcio, sem uma quantidade equilibrada de Mg provoca ainda mais a deficiência de Mg, o que desencadeia uma cascata de eventos que levam à perda óssea.



Síndrome de Raynaud – O Mg ajuda a relaxar os vasos sanguíneos que causam dor e dormência dos dedos.



Cárie nos dentes – A deficiência em Mg provoca um desequilíbrio no balanço de fósforo e cálcio na saliva, o que prejudica os dentes.



Extraído do livro The Magnesium Miracle de Dra. Carolyn Dean MD ND (2003 Ballantine Books : New York , NY), 2003. pp 5-7 



Tradução por Elisabete Milheiro
http://solucaoperfeita.com/magnesio/
Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

AVISO

Este site tem finalidades exclusivamente informativas.
É importante esclarecer que este site, em plena vigência do Estado Democrático de Direito, exercita-se das prerrogativas constantes dos incisos IV e IX, do artigo 5º, da Constituição Federal.
Relembrando os referidos textos constitucionais, verifica-se: “é livre a
manifestação do pensamento, sendo vedado o anonimato" (inciso IV) e "é livre a expressão da atividade intelectual, artística, científica e de comunicação,independentemente de censura ou licença" (inciso IX).