domingo, 12 de julho de 2015

Miomas


Volto a falar sobre Miomas, porque parece ser um problema que está afetar muitas mulheres inclusive jovens.
As causas e os tratamentos que vou apresentar assentam numa visão muito própria - a minha visão - baseada na Medicina Natural.
Não é natural, mas é normal que haja tanto este problema e  a razão está no ambiente que vivemos, onde a alimentação é anti-fisiológica, onde o ar é poluído, e a terra que cria nossos alimentos está muito pobre e infértil.
Tudo está minado de químicos.
Estes químicos criados pelo homem, chamados de xenoestrogenios encontram-se no solo, nos rios, nos plásticos, nos produtos de limpeza e podemos dizer que são o pior pesadelo para a humanidade e para a saúde reprodutiva.
Entram no nosso corpo e juntam-se ás nossas células, vivem com elas como se fossem hormonas.
E, o que fazem as hormonas ás células?
Dão ordens, dizem como elas têm de se comportar. Vejam o perigo.
Com certeza que as ordens são dadas inadequadamente e vão alterar o equilíbrio do nosso sistema hormonal causando o caos no comando da cadeia endócrina; os males causados por estes intrusos que nós colocamos dentro do nosso organismo são muitos, como transtornos menstruais, infertilidade, quistos de mama, endometriose e também miomas e todos eles têm em comum a predominância de estrogénio - uma hormona produzida pelos  ovários.

Bem...podemos dizer que uma mulher com mioma tem um desequilíbrio metabólico e um desequilíbrio hormonal com excesso de estrogénio, não é só excesso é também mau estrogénio, no sentido que fatores tóxicos como o estilo de vida e fatores ambientais facilitam a oxidação deste mesmo estrogénio.
Além disso hoje vivemos a pandemia da resistência à insulina associada a um excesso de peso que também leva à predominância do estrogénio.
Há varias classes de estrogénio - estradiol, estriol e a estrona, os dois primeiros parecem ser bons, mas a estrona não é muito boa, porque lhe falta uma coisa chamada de metilação.
Estou a falar isto para poder justificar a importância de alguns alimentos...quando nosso corpo produz ou é invadido por estrogénio "mau" vêm umas moléculas - os metilos -  agarram esses "maus" e os levam para o fígado para serem eliminados.
Então...se uma mulher tem predominância de estrogénio, precisa de metilos para poder apanhar esse estrogénio mau e o levar para o fígado para nos livrarmo-nos dele.
Mas, onde vamos buscar esses metilos?
À beterraba que está cheia de betaína que é composta por um aminoácido de glicina com três grupos de metilos, aqueles que nós precisamos. Outros alimentos são o espinafre, a quinoa e o gérmen de trigo, - alimentos a consumir por quem tem miomas.
Outro grupo muito importante são as crucíferas, como a couve-flor, o repolho e os brócolos, onde seus fitoquímicos como o di-indolilmetano e o seu percursor indol -3-carbinol possuem efeitos moduladores nos estrogénios ou seja alteram o seu metabolismo.
Outro alimento que ajuda a remover o mau estrogénio é a pele do limão.
Devo fazer cirurgia?
Esta pergunta é difícil para quem defende uma saúde através de agentes naturais, para mim a cirurgia é sempre o ultimo, dos últimos recursos, tudo terá que ser feito antes e eu acredito que neste tudo algo vai acontecer, mas olhemos os problemas que estão associados ao mioma:
- O problema mais preocupante é a hemorragia uterina e o aumento do abdómen, que tende a parar com a chegada da menopausa, mas o mioma pode ser grande e pressionar a bexiga ou o reto o que leva a micção frequente e a obstipação que têm que ser resolvidas. Podem interferir com a capacidade de engravidar ou serem responsáveis por abortos.
A maioria dos miomas dão pouca evidencia de sua presença e uma mulher pode viver anos sem saber que eles estão lá. O fato de eles estarem presentes não significa que o útero ou os miomas precisem de ser removidos, se você não tem sintomas graves, você não precisa de fazer cirurgia.
Tratamento de Miomas
Se o objetivo for acabar de vez com os miomas, de preferência rápido, então o melhor é a cirurgia, porque retornar à Saúde por agentes naturais implica tempo, perseverança e normalmente uma alteração do estilo de vida.
- Em primeiro lugar temos de controlar as hemorragias que se devem a uma congestão sanguínea no útero e isso se consegue com aplicações diárias durante a noite de cataplasma de argila, não conheço outro método tão eficaz quanto este.
- Mude a alimentação, tem de haver um compromisso de mudança, deve aumentar as frutas e vegetais, e diminuir tudo o que é animal, os lácteos, os doces, o café, tudo o que é industrializado e que possam ter substancias químicas como os enlatados.
- Tem de fazer exercício, tem de andar, tem de mexer todo o corpo e o baixo ventre, aumente a elasticidade, um bom exercício é o ioga.
- Tem de pensar em técnicas de desintoxicação, porque toda a doença e principalmente esta assenta numa autointoxicação, e as saunas são uma boa opção.
- Os banhos de acento alternados são outra forma de controlar os miomas e todos os problemas do útero da mulher, porque melhoram a circulação no baixo ventre.
- Também temos o bisturi da Natureza - o jejum. Mas, atenção a pessoa deve estar nutrida o suficiente para poder ficar 2 ou 3 dias sem comer, eu prefiro ir devagar,  e por exemplo aconselhar a pessoa a fazer um ou dois dias da semana a sucos sem comer sólidos.
- Apõe o fígado, pode faze-lo através de plantas como o dente-leão, a carqueja, a alcachofra e o cardo mariano.
- Plantas a tomar para o sistema endócrino são unha de gato e a urtiga.
- Aplicar 2 a 4 vezes por semana uma compressa de óleo de rícino. Vai precisar de quatro panos de flanela com a dimensão necessária para cobrir desde o umbigo aos pelos púbicos. Embeba os panos em óleo de rícino, que se compra nas ervanárias, sem pingar e coloque sobre o abdómen, cubra os panos com um plástico, e em cima um pano seco com uma almofada de aquecimento, deixe por uma hora.
Os panos de flanela podem ser usados mais vezes, basta para isso serem humedecidos novamente em óleo de rícino.
Bem, vou parar por aqui, porque podia escrever um livro, com os " não faça" e os "faça"... quem tem miomas pode começar pelo o que escrevi acima e depois vai sentir o corpo e vai aprender, também vai errar, mas tudo isso faz parte do percurso, não se pode é deixar de fixar o objetivo que é Ter mais Saude.
  
http://casadasaudenatural.blogspot.com.br/search?updated-max=2015-02-10T07:17:00-08:00&max-results=7&start=21&by-date=false
Reações:

2 comentários:

  1. Olá! Tenho um mioma de 8cm gostaria de saber como tentar diminuir um pouco, pois quero engravidar. Essa pasta que faz de argila, como é? O óleo de rícino posso colocar diretamente na barriga?

    ResponderExcluir
  2. Gostaria de dicas para diminuir o mioma. Como é que faz a pasta de argila? Posso colocar o óleo de rícino direto na barriga?

    ResponderExcluir

AVISO

Este site tem finalidades exclusivamente informativas.
É importante esclarecer que este site, em plena vigência do Estado Democrático de Direito, exercita-se das prerrogativas constantes dos incisos IV e IX, do artigo 5º, da Constituição Federal.
Relembrando os referidos textos constitucionais, verifica-se: “é livre a
manifestação do pensamento, sendo vedado o anonimato" (inciso IV) e "é livre a expressão da atividade intelectual, artística, científica e de comunicação,independentemente de censura ou licença" (inciso IX).