segunda-feira, 6 de outubro de 2014

Receita com alho para eliminar herpes


O herpes é uma doença que afeta muitas pessoas.

Ele se caracteriza por um leve ardor ou formigamento seguido por vermelhidão e edema, sintomas que duram cerca de três dias.

Em casos mais graves, pode haver febre e dor de cabeça.

Após esta fase, nota-se o aparecimento de pequenas bolhas, na pele ou mucosas.

Depois, as bolhas se rompem liberando um líquido que contém novos vírus.

Esta é a fase mais contagiosa.

Por fim, as bolhas secam e formam crostas que se soltam e se cicatrizam.

O contágio da doença se dá, principalmente, através do contato físico (beijo e relação sexual).

Há pessoas que têm quatro ou cinco crises anuais; outras apresentam crises frequentemente.

As formas mais comuns da doença são o herpes labial (foto) e o genital.

Existe outro tipo de herpes, conhecido popularmente de cobreiro, provocado por um vírus chamado varicela zoster.

Este tipo de herpes é caracterizado por dor muito intensa.

Quais as causas da reativação do vírus?

A principal delas é a queda da imunidade, normalmente causada por estresse.

É por isso que é muito importante manter o corpo e a mente em equilíbrio, com boa alimentação, exercícios físicos e atitude positiva diante dos problemas da vida.

Se o herpes atacar, tente a cura por meio de tratamentos naturais.

Uma excelente receita é a que vamos ensinar agora.

Ela é muito simples e, quem já fez, garante que ela é "batata".

Anote:

Você vai pegar um dente de alho.

Vai descascar e dividir ao meio.

Uma das metades desse alho você vai espetar num garfo.

E vai levá-la ao fogo para dar uma leve aquecida e, depois, colocar em cima da ferida.

Segure uns três minutos em cima.

Se doer um pouco, não se preocupe, é normal.

Faça isso três vezes por dia.

Normalmente, no segundo dia do tratamento a pessoa já está curada. - See more at: http://www.curapelanatureza.com.br/2014/09/receita-com-alho-para-eliminar-herpes.html#sthash.R05CSauX.dpuf
Reações:

Um comentário:

AVISO

Este site tem finalidades exclusivamente informativas.
É importante esclarecer que este site, em plena vigência do Estado Democrático de Direito, exercita-se das prerrogativas constantes dos incisos IV e IX, do artigo 5º, da Constituição Federal.
Relembrando os referidos textos constitucionais, verifica-se: “é livre a
manifestação do pensamento, sendo vedado o anonimato" (inciso IV) e "é livre a expressão da atividade intelectual, artística, científica e de comunicação,independentemente de censura ou licença" (inciso IX).