segunda-feira, 12 de janeiro de 2015

Tratamento para a incontinência urinária

Tratamento para a incontinência urinária

Pesquisas recentes revelaram que a bexiga pode ser treinada. É um tratamento simples e eficaz para a maioria dos casos de incontinência e é menos caro e mais seguro que os medicamentos ou cirurgia. O exercício físico adequado e outras terapias naturais podem ajudar a prevenir esta situação.
Os exercícios que lhe indiquei para a correcção do prolapso uro-genital estão também indicados para a incontinência urinária. Contudo, vamos incidir sobre 2 tipos de exercício mais concentrados para trabalhar o terreno da incontinência urinária.

Exercícios de reeducação pélvica

Estes exercícios tonificam os esfíncteres (da uretra e do ânus), promovendo a vascularização (reforço dos vasos sanguíneos) e a alimentação dos tecidos, através de uma melhoria da circulação sanguinea local.
Este exercício pode ainda ter efeitos benéficos no prazer sexual.

Exercício: contracção e relaxamento pélvico
Ao longo do dia, quer esteja sentado, deitado ou em pé, faça o seguinte: ao inspirar contraia os músculos da uretra, como se pretendesse evitar a libertação de urina. Verificará que outros músculos também são contraídos por arrastamento (os nadegueiros e os peritoniais). Conte até 5. Depois expire relaxando os músculos.
A pouco e pouco, começará também a aperceber-se do movimento do músculo da vagina e, por arrastamento, do movimento de subida do ânus. Faça repetições do exercício durante 3 a 5 minutos, várias vezes ao dia.

2o Exercício – prevenção do colapso e reforço dos esfíncteres
Deitada, como indica a figura 1 da página 48, repita o exercício anterior. Ao inspirar, erga-se a 10 cm da superfície do solo, mantendo os ombros assentes. Mantenha-se nesta posição entre 5 a 10 segundos. Prossiga expirando e relaxando os músculos, enquanto regressa à posição inicial.
 fig1..
Banho de semicúpio com palha de aveia
Indicado para doenças da bexiga e dos rins.
Faça uma decocção na proporção de 250 g de palha de aveia para 2 L de água, deixando ferver durante 30 minutos. Deixe arrefecer um pouco e faça o semicúpio com o preparado a uma temperatura moderada.
Adicionalmente, pode fazer uma terapia de fácil execução, para benefício do aparelho urinário, especialmente dos rins:

Compressas de vapor
Aqueça água numa panela. Quando começar a libertar-se vapor, aproxime as compressas da panela e deixe-as a aquecer e a absorver o vapor. Coloque-as quentes na zona dos rins. Tape esta zona com um cobertor. Assim que começarem a arrefecer, substitua-as por outras quentes. Esta prática promove uma vasodilatação local que vai ter efeitos na circulação sanguínea, na tonificação muscular e no estímulo da função renal.

Banho de Caléndula, com infusão ou Tintura-Mãe
Caso tenha uma irritação ou inflamação vaginal, pode fazer uma infusão desta planta juntando-a à água do banho ou então fazer um semicúpio.
Se preferir utilizar a Tintura-Mãe, misture uma colher de café por cada litro de água do banho. Guarde um pouco desta diluição para utilizá-la, na sua higiene íntima, após as micções.

Do livro MENOPAUSA E ANDROPAUSA – Como ultrapassar sem problemas esta fase, de Paula Branco, Publicações Prevenção de Saúde
Reações:

Um comentário:

  1. Excelemte artigo.Parabéns!
    Hoje em dia é muito comum passarmos uma temporada com alguns quilinhos a mais, uma barriguinha saliente ou até mesmo a vida toda… Mas isso vai acabar! O primeiro passo para emagrecer a região abdominal é ter força de vontade e realmente estar focado em alcançar o objetivo. Não adianta falar “Ah… eu quero perder bariga”, mas não fazer o necessário para que isso aconteça.http://emagrecerdefato.com/como-perder-barriga/

    ResponderExcluir

AVISO

Este site tem finalidades exclusivamente informativas.
É importante esclarecer que este site, em plena vigência do Estado Democrático de Direito, exercita-se das prerrogativas constantes dos incisos IV e IX, do artigo 5º, da Constituição Federal.
Relembrando os referidos textos constitucionais, verifica-se: “é livre a
manifestação do pensamento, sendo vedado o anonimato" (inciso IV) e "é livre a expressão da atividade intelectual, artística, científica e de comunicação,independentemente de censura ou licença" (inciso IX).