domingo, 10 de agosto de 2014

COPO DE ISOPOR pode causar CÂNCER, dizem pesquisas.

De acordo com cientistas, o estireno, produto químico usado em copos de isopor e outros recipientes descartáveis para alimentos, pode causar câncer.
A conclusão de 10 especialistas em toxicologia, química e medicina do Conselho Nacional de Pesquisa dos EUA, foi que o estireno pode ser um carcinógeno humano de médio potencial.
Jane Henney, que presidiu o comitê do conselho, declarou em entrevista a Newsday, que essa é uma avaliação de riscos e outros fatores podem estar envolvidos. “Há evidências científicas que dizem que o estireno causa câncer, mas podem haver explicações alternativas, como o acaso, a predisposição ou fatores ainda confusos", explicou.
"Nosso relatório diz que este produto químico pode ser um problema, mas é necessária uma avaliação de risco completa da dose, considerando a exposição, a quantificação e a melhor caracterização do risco. Só assim alguma regulamentação poderá ser feita”, acrescentou.
Dr. Henney também ressaltou que o carcinógeno de “médio potencial”, significa que não é nada enfático, diferente, por exemplo, do tabaco, classificado como de “alto potencial”.
A decisão do Conselho foi fruto de uma investigação que começou há três anos, quando as preocupações foram levantadas sobre as possíveis ligações entre estireno e câncer.
O Conselho Nacional de Pesquisa é o principal corpo de política e divisão da National Academies, que inclui o Instituto de Medicina, a Academia Nacional de Ciências e a Academia Nacional de Engenharia, todos dos EUA.
O Conselho Americano de Química já havia defendido o estireno, dizendo: "O poliestireno plástico tem sido utilizado em produtos de fast-food - xícaras de café, recipientes de isopor para viagem, talheres - por mais de cinco décadas e foi considerado seguro pelas agências reguladoras”.
No início deste mês, cientistas britânicos advertiram que mais de 170 produtos químicos perigosos - incluindo estireno - são legalmente utilizados na produção de embalagens de alimentos.
A Food Packaging Forum alertou sobre as substâncias tóxicas, que poderiam causar câncer e provocar alterações em genes, quando em contato com alimentos.
Mas a Food Standards Agency tratou de tranquilizar os consumidores, dizendo que todos esses produtos passam por uma regulamentação dentro dos padrões europeus de controle de produtos químicos, que são usados dentro dos limites e com todas suas restrições.
O estudo, publicado na revista Food Additives and Contaminants, descobriu cerca de 175 substâncias químicas presentes nos copos plásticos, com diferentes efeitos. Dentre elas, estão substâncias que interferem na produção de esperma, provocando má formação genital e podendo interromper a produção de hormônios no corpo.
Fonte: DailyMail 
Foto: Reprodução / Cenblog.org
Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

AVISO

Este site tem finalidades exclusivamente informativas.
É importante esclarecer que este site, em plena vigência do Estado Democrático de Direito, exercita-se das prerrogativas constantes dos incisos IV e IX, do artigo 5º, da Constituição Federal.
Relembrando os referidos textos constitucionais, verifica-se: “é livre a
manifestação do pensamento, sendo vedado o anonimato" (inciso IV) e "é livre a expressão da atividade intelectual, artística, científica e de comunicação,independentemente de censura ou licença" (inciso IX).