quarta-feira, 6 de agosto de 2014

Quem quer manter ou restabelecer a Saúde, tem de aprender Trofologia

imagem copiada net
Trofologia é a ciência que ensina a cultivar ou a restabelecer a Saúde, através de uma alimentação adequada ás necessidades do corpo humano.
Na base da pirâmide de qualquer tratamento real e verdadeiro tem de estar obrigatoriamente a alimentação adequada.

É tão simples perceber isto, não entendo porque muitos dos profissionais de Saúde não o referem; no curso de Medicina é falado que a alimentação está relacionada com o Cancro, mas depois vamos ao IPO e verificamos que alimentação dada aos pacientes oncológicos não está de acordo com os estudos apresentados, nem são as refeições ricas em verduras e frutas, parece-me que há uma lacuna entre o que se diz e aquilo que é praticado na prática dos nossos hospitais.

Por acaso, enchemos o deposito do nosso carro com qualquer combustível? Não, se ele foi feito para trabalhar com gasóleo é isso que vamos colocar, se para trabalhar com gasolina, de igual forma, alguém pensa que dar um ou outro é indiferente?
Porque percebemos com o carro e com as maquinas e não com o nosso corpo?
De uma forma muito simples, todos percebemos que a alimentação é o meio mais seguro e eficaz para evitar adoecer.
Todas as funções orgânicas dependem da qualidade do sangue, é ele que puro ou impuro vai alimentar todos os tecidos e órgãos. Esta pureza ou qualidade do sangue depende daquilo que comemos e da forma como usamos o aparelho digestivo, porque nós não absorvemos o que comemos, mas o que digerimos, por isso nosso corpo é da qualidade dos alimentos que o formam e o mantêm. Daí um sangue nutrido por frutas e verduras cruas será fluido, vitalizado e alcalino, isento de matérias ácidas.

Há muita confusão com o que é ácido, muitas vezes as pessoas não comem fruta acida como laranjas e limão com medo dos ácidos, mas atenção, porque todas estas  frutas têm uma reação alcalina no nosso corpo, e se por acaso a urina ou as fezes ficam mais acidas, não é acidez da fruta, é a fruta que está a tirar acidez ao corpo e a eliminar.
São os ácidos provenientes das fermentações pútridas do intestino que acidificam o sangue e por sua vez os tecidos e órgãos levando o corpo a defender-se com a inflamação, o que leva a um catalogo dos mais variados sintomas e doenças, mas quase todos eles com um ponto em comum, que é a inflamação, que como vimos foi criada pelo corpo inicialmente para se defender.
O que pensa que ocorre com o corpo quando tomamos um medicamento para "cortar" os sintomas e não damos a mínima importância ao que o originou? Será que estamos agir bem? Não precisa de ser intelectual universitário, o bom senso comum ajuda a dar a resposta.
Na Medicina Natural, quando surge um problema de Saúde, a atitude mais importante a tomar é alterar a alimentação, pois não vamos acreditar que continuamos a fazer as mesmas coisas  e vamos obter resultados diferentes, isto não existe.
Os tratamentos naturais podem ser complementados com muitas outras coisas ou terapias que vão ajudar na desintoxicação, na alcalinização e na regeneração,  mas aquilo que comemos vai fazer a diferença nos resultados a obter, e cabe a cada um a responsabilidade de respeitar o seu corpo e ingerir somente os alimentos adequados ás necessidades humanas.
imagem copiada net
É a Trofologia que ensina o que comer, como comer, que combinações podem ou não ser feitas, quantas refeições ao dia; de forma a promover boas digestões, boa assimilação e eliminação, para que possamos ter uma melhor qualidade de vida e estarmos mais bem preparados para fazer frente à vida diária, assim como dizia Lezaeta:
 " O homem são vive satisfeito com a sua sorte, porque tudo consegue com sua Saúde."
   
Casa da Saúde
Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

AVISO

Este site tem finalidades exclusivamente informativas.
É importante esclarecer que este site, em plena vigência do Estado Democrático de Direito, exercita-se das prerrogativas constantes dos incisos IV e IX, do artigo 5º, da Constituição Federal.
Relembrando os referidos textos constitucionais, verifica-se: “é livre a
manifestação do pensamento, sendo vedado o anonimato" (inciso IV) e "é livre a expressão da atividade intelectual, artística, científica e de comunicação,independentemente de censura ou licença" (inciso IX).